Arquivo da tag: camera

Maresias – HD São Paulo Open

Aparentemente, entre os dias 02 e 06 de novembro (de 2015), rolou o HD São Paulo Open (etapa da competição que dá acesso à elite do surf mundial) em Maresias, e coincidentemente estávamos por lá também nessas datas. E foi absoluta coincidência mesmo, porque eu não entendo nada sobre surf, não sei (ou melhor, não sabia) a cara do Medina e não tava entendendo muita coisa.

Mas um grande evento, sempre é interessante ir e conhecer. Apesar do mal tempo, eu, minhas amigas e minha câmera fotográfica, fomos lá ver os acontecimentos. E para nossa surpresa, tinha muita gente naquele local plenas terça de manhã.

Muitos surfistas, muitos gringos e muita gente curiosa (assim como a gente). O campeonato tinha uma infra bem bacana e muitos fotógrafos profissionais. Minha ideia, para o #30dias30ideias, era ir lá fotografar, mas me senti muito “tchonguinha”, com milhares de profissionais por lá, então acabei indo mais pra aprender e curtir o momento.

O que aprendi? Bom, os surfistas fazem uma dancinha antes de entrar na água (o que deve ser o aquecimento), cada bateria dura 30 minutos, as ondas não precisam ser grandes – tipo 3 metros de onda – acho que só precisam ser completas ou longas, o mal tempo não atrapalha o campeonato, afinal o que é uma chuva pra quem tá molhado?! E acho que foi só isso…

E, apesar de não posar de fotógrafa por lá (admito que por vergonha de amadora), tirei algumas pra aproveitar o passeio:

Mais uma câmera pro mundo

Sempre gostei de fotos, tanto de aparecer, quanto de tirar. Sempre juntei dinheiro das minhas mesadas pra comprar filme pra câmera e no final do ano tirar fotos com os amigos de classe. Quando a novidade foi todo mundo ter uma câmera digital, eu insisti muito pros meus pais comprarem até que ganhei uma de Natal. Até cheguei a um momento da minha vida a fazer um book  (alta e magra… porém cheia de espinhas) e também tinha um daqueles fotolog.net. Por fim, em algum momento minha câmera foi roubada mas aí todos os celulares hoje em dia tem excelentes câmeras, não é mesmo? Então eu sempre estou com uma câmera por perto, ou pelo menos tentando…

Bom, agora que eu cresci (?), uma das minhas vontades era ter uma câmera semi profissional. Quero (e vou) aprender a tirar fotos lindas e sai jogando elas pro mundo sempre que der. Por um preço amigo, frente a essa crise que estamos passando, comprei uma Nikon D90. Mas, não seria tão fácil mexer nela e sairem as fotos tão perfeita logo nas primeiras tentativas. Então, eis que em um dia de sol, um amigo que manja dos paranauê me ajudou com alguns recursos e técnicas para minhas fotos ficarem com o mínimo de decência.

E como câmera, parque e um cachorro são um prato cheio pra um dia livre, inspirativo e criativo, mais um pra tag #30ideias30dias. E gente, não é por nada não, mas olha só a evolução das fotos:

 

Links da Semana

Esses foram os links que ví essa semana e curti! Espero que vocês também gostem 🙂

dicas make

17 dicas e segredos revelados pelas blogueiras brasileiras e agora a gente pode aproveitar também!

camera

Fotos incríveis tirados com uma câmera que não custa mais que 100 reais. Muita técnica e bom gosto provando que o diferencial não é a câmera, mas sim o fotografo!

tendencia inverno

Todas os desfiles fashion passaram e deixaram dicas e tendências de como seria a coleção de inverno. Muita coisa que já podemos ver nas ruas e vitrines e muitas dicas do que pode entrar no seu guarda roupa!

tumblr

O tumblr que deu o que falar essa semana: Era meu ex… e agora é… Só rindo com as montagens das antigas fotos dos ex 🙂

acabar conversa

Perguntinha chata que pode acabar com um primeiro encontro ou causar uma má impressão e desconforto na roda de novos amigos: “O que você faz?

Rua Verde

entrada_rua_verdePra quem mora em SP, e teve conhecimento sobre, hoje na Rua Amauri – Jardins, pode presenciar o evento Rua Verde. Eu mesma fiquei sabendo do evento apenas porque a Claro me ligou e avisou, senão passaria batido.

O evento toma a rua inteira, e traz atrações gastronômicas, culturais e de entretenimento para toda a família. A proposta é o que o próprio nome diz: sustentabilidade. Através de algumas oficinas, o evento propõe a ideia de que sustentabilidade é mais fácil do que parece e ensina crianças e adultos a praticá-la.

Além disso, vários stands de vários patrocinadores tomam conta das ruas, oferecendo inovações e alguns brindes, como azeite, plantinha de pimenta, algodão doce, pipoca…. A “festinha” foi um mimo e sendo o local, um dos mais tops de SP, tava um luuuxoo!

rua_verdepipoca_rua_verde

 

 

Entre Chandon’s e aperitivos, os stands trouxeram tecnologia, como foi o caso da Claro, com impressão de fotos e um robozinho com câmera que foi o sucesso!

 

 

Tiveram aulas de malabarismo para as crianças e mini golf, e para nós, gracinhas femininas, teve um stand da Risqué, com várias cores novas, além do espaço manicure para pintar as unhas com as novas cores. Achei demais! Pena que já tinha feito as minhas unhas e não pude experimentar….

risque_rua_verde

Não sei quando vai ter de novo, mas quando tiver, vale a pena ir lá conferir! Pra quem tiver mais sorte (dinheiro) ou chegar mais cedo, vale a pena comer nos restaurantes da rua, que servem com vista para a festinha e dá pra acompanhar o evento de pertinho!